Segunda-feira, 13 de Abril de 2015

15.5.2005

Demasiado humanos. É para mim um mistério a progressiva transformação (se disso se trata) de alguém sensível, altruísta, terno até, num déspota frio e, se as circunstâncias o permitissem, implacável. Não estou a pensar nas monstruosas e demasiado óbvias incarnações hitlerianas e afins, mas de gente mais chãmente próxima de nós.

publicado por RAA às 23:51
link do post | favorito (1)

.mais sobre mim

.tags

. todas as tags

.pesquisar

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.arquivos

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

blogs SAPO

.subscrever feeds