Quarta-feira, 15 de Abril de 2015

15.5.2005

A direita dos valores, imobiliários. Muito está ainda por apurar, e é até possível que exista uma agenda política subjacente a este processo. O que transparece, porém, no caso dos sobreiros da Companhia das Lezírias é, para quem não a conhecesse, que a direita popular (de PP), arrogante e beata, é useira na mais despudorada barganha, expediente que nada fica a dever às qualidades do chulo desenrascanço do querido povo que ela, a direita, quer a todo o custo civilizar. Ora, se se der o milagre de alguma vez viermos a conviver com o resto dos europeus com o à-vontade com que nos medimos, por exemplo, com os albaneses ou uma franja dos moldavos, não será graças esta direita merceeira e boçal, herdeira, aliás, do salazarismo mais paisano. 

publicado por RAA às 09:57
link do post | favorito

.mais sobre mim

.tags

. todas as tags

.pesquisar

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.arquivos

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

blogs SAPO

.subscrever feeds